Banner

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Em jogo fraco, Brasil vence a Argentina por 2 a 1 e leva vantagem para o embate de volta

Ontem (19/9) aconteceu o confronto de ida do Superclássico das Américas entre Brasil X Argentina, em Goiânia no estádio Serra Dourada. Por ser um clássico deste porte, esperava-se um embate com muitos ataques e oportunidades de gols, no entanto, o 1º tempo foi marcado por um Brasil tendo uma maior posse de bola, mas que parava na marcação dos visitantes. Sendo assim, a seleção canarinho não oferecia perigo ao seu adversário, enquanto os ´hermanos´ só se defendiam e não conseguiam contra-atacar, contudo, no seu primeiro contra-ataque, a seleção argentina conseguiu abrir o placar aos 19 minutos, com o Martinez (jogador do Corinthians). Mesmo com o gol sofrido, o Brasil continuava com uma maior posse de bola e aos 25 minutos, Neymar cobrou uma falta e Paulinho empatou. O jogador estava em posição de impedimento, mas o bandeirinha não marcou. Sem emoção e lances de gols, o 1º tempo terminou 1 a 1. No 2º tempo o clássico continuou fraco, com os argentinos dando uma aula de marcação e contra-ataques, porém, o goleiro Jefferson não precisou fazer nenhuma defesa. Nos minutos finais, Leandro Damião foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Neymar cobrou, fazendo o gol da vitória. Mesmo com o resultado positivo, a torcida brasileira não ficou satisfeita, chamando o Mano de "Burro" e gritando palavras de despedida, além de pedirem a contratação do treinador Felipão. O Brasil volta a enfrentar a Argentina no dia 3 de outubro, na cidade de Resistencia, Argentina. Neste confronto, o oponente deverá jogar sem ficar tanto na defesa, pois o empate dará o título ao Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário