Banner

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Corinthians faz gol nos acréscimos e mantém vivo o sonho do título inédito da Libertadores

Ontem (27/6) aconteceu o 1º confronto da final da Libertadores, no entádio La Bombonera entre Boca Júniors x Corinthians. Era a 1ª final do time brasileiro e a 10ª final do Boca na competição Sul-americana. O 1º tempo foi equilibrado com os dois clubes buscando o gol, porém, nenhuma equipe abriu o marcador nessa etapa. O 2º tempo também começou bem disputado, mas o Boca iniciou a pressão contra o seu adversário até que aos 28 minutos o clube mandante abriu o placar, com Roncaglia. Depois deste gol, parecia que o Corinthians não teria forças para empatar e que o Boca ampliaria, no entanto, Tite arriscou tirando meia Danilo e colocou Romarinho que estreou no final de semana passada e conseguiu fazer dois gols. Este foi o 1º jogo dele na Libertadores e logo no 1º lance dele no desafio, Romarinho fez a diferença, conseguindo empatar aos 40 minutos. Depois do gol, o Boca ainda teve mais uma chance colocando uma bola na trave com Viatri, mas o 1º embate da final acabou 1 a 1. Os dois clubes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (4/7), no Pacaembú, em São Paulo. O regulamento da final é diferente das outras fases da Libertadores, onde o gol fora de casa fazia diferença. Com isto, nenhuma equipe tem vantagem para o confronto da decisão. Se o jogo acabar empatado em 0 a 0 (ou 10 a 10) a final vai para prorrogação e se continuar empatado vai para os pênaltis. Quem vencer direto nos 90 minutos levantará a taça de Campeão. Será que Corinthians conseguirá este troféu pela 1ª vez na história?

Um comentário:

  1. Como um gol aos 40 minutos foi nos acréscimos??
    (Vai censurar de novo?)

    ResponderExcluir